Ancelotti nega contatos com a CBF e ratifica compromisso com o Real Madrid

Madri (EFE).- O italiano Carlo Ancelotti, treinador do Real Madrid, garantiu nesta quinta-feira que não foi procurado por ninguém da CBF para ser o próximo treinador da seleção brasileira, ao mesmo tempo que reiterou que, até quando o clube quiser, só se vê treinando o time espanhol.

“Se estiverem interessados, não sei porque ainda não me contataram. Se estiverem, agradeço, mas a minha situação é bastante clara. Estou bem aqui até quando esta aventura possa continuar. Não sou eu quem vai dizer ao Real Madrid que quero sair, isso nunca vai acontecer”, afirmou o treinador em entrevista coletiva.

Além disso, Ancelotti elogiou a contratação do jovem Endrick, revelado pelo Palmeiras, que foi oficializada no dia 15 de dezembro em uma negociação cifrada em 60 milhões de euros.

Como a legislação não permite que menores de idade joguem por clubes estrangeiros, Endrick, de apenas 16 anos, só poderá se transferir para o clube madrilenho em julho de 2024. Até lá, seguirá atuando pelo Palmeiras.

“Estamos felizes e entusiasmados. Ele poderá se incorporar em 2024, o clube buscou um acordo com a família e o clube para isso. Ele é um grande jogador, um grande talento. Ficaremos entusiasmados quando puder se juntar a nós”, destacou Ancelotti. EFE