Cabo Verde acata sugestão da Fifa e mudará estádio para nome de Pelé

Redação Central (EFE).- Cabo Verde tornou-se no primeiro país a acolher a sugestão do presidente da Fifa, Gianni Infantino, e anunciou que o Estádio Nacional terá o nome de Pelé, morto no dia 29 de dezembro.

O governo cabo-verdiano liderado pelo primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva decidiu homenagear o Rei do Futebol dando o seu nome ao Estádio Nacional, situado no Monte Vaca, na ilha de Santiago, conforme anunciou em sua página oficial do Facebook.

Ulisses Correia e Silva argumentou que Cabo Verde e Brasil têm uma história e uma cultura “que andam de mãos dadas, considerando que são dois países irmãos, unidos pela língua e por identidades muito semelhantes”.

“Agora é nosso desejo homenageá-lo. Pelé foi e sempre será uma referência no Brasil, no nosso mundo lusófono e no resto do mundo, sendo um ídolo que conecta várias gerações”, completou.

“Como homenagem e reconhecimento a esta figura que nos engrandece a todos, manifesto a intenção (do governo) de batizar o nosso Estádio Nacional de ‘Estádio Pelé’, em uma iniciativa à qual acredito que vários países do mundo irão nos acompanhar”, disse.

O governo cabo-verdiano, que espera celebrar este ato simbólico em breve, já comunicou esta intenção à Fifa, cujo presidente durante o velório do Rei sugeriu a todas as federações filiadas que atribuíssem o nome de Pelé a um estádio nos seus países. EFE