Convocação da Alemanha para Copa surpreende com volta de Götze

Berlim (EFE).- A volta do meia Mario Götze, autor do gol do título mundial da Alemanha em 2014, é o maior destaque da lista de convocados da seleção do país para a edição deste ano da Copa do Mundo, que acontecerá no Qatar, a partir do dia 20.

O experiente jogador, de 30 anos, que atualmente está no Eintracht Frankfurt, não atua pelos tetracampeões desde novembro de 2017, quando participou de 25 minutos de amistoso com a França.

Desde o ano seguinte, contudo, Götze sequer chegou a ser convocado para defender a seleção alemã. O jogador, nos últimos anos, inclusive, chegou a sofrer com problema metabólicos, que o impediram de manter a forma física.

Em 2017, Götze teve a aposentadoria cogitada, quando atuava pelo Borussia Dortmund, mas três anos depois começou a dar a volta por cima ao se transferir para o PSV Eindhoven, clube que defendeu antes do Eintracht Frankfurt.

Destaques e ausências

Outro destaque da lista de convocados pelo técnico Hansi Flick é o jovem atacante Youssoufa Moukoko, do Borussia Dortmund, que completará 18 anos no dia da abertura da Copa do Mundo e que nunca atuou pela seleção principal da Alemanha.

Lesionados, o experiente Marco Reus, também do Dortmund, e o também atacante Timo Werner, do RB Leipzig, ficaram fora da lista anunciada hoje. 

A Alemanha está no grupo E da Copa do Mundo, em que estreará no dia 23 de novembro, em duelo com o Japão. Quatro dias depois, será a vez de enfrentar a Espanha, e no dia 1º de dezembro, a Costa Rica.

Confira a lista de convocados pela Alemanha para a Copa:

Goleiros: Manuel Neuer (Bayern de Munique-ALE), Marc-André ter Stegen (Barcelona-ESP) e Kevin Trapp (Eintracht Frankfurt-ALE)

Defensores: Armel Bella Kotchap (Southampton-ING), Matthias Ginter e Christian Günter (Freiburg-ALE), Thilo Kehrer (West Ham-ING), Lukas Klostermann e David Raum (RB Leipzig-ALE), Antonio Rüdiger (Real Madrid-ESP), Niklas Süle e Nico Schlotterbeck (Borussia Dortmund-ALE)

Meias e atacantes: Julian Brandt, Karim Adeyemi y Youssoufa Moukoko (Borussia Dortmund-ALE), Leon Goretzka, Joshua Kimmich, Jamal Musiala, Serge Gnabry, Leroy Sané, Thomas Müller (Bayern de Munique-ALE), Ilkay Gündogan (Manchester City-ING), Jonas Hofmann (Borussia Mönchengladbach-ALE), Mario Götze (Eintracht Frankfurt-ALE), Kai Havertz (Chelsea-ING) e Niclas Füllkrug (Werder Bremen-ALE). EFE