Fifa é denunciada na Suíça por propaganda ambiental enganosa sobre Copa

Genebra (EFE).- A Fifa foi denunciada na Suíça por uma aliança de organizações ambientais, que a acusam de ter realizado promessas climáticas relacionadas à Copa do Mundo disputada neste ano no Qatar, conforme indicou a imprensa do país europeu.

A queixa foi apresentada perante a Comissão Suíça para a Lealdade, um órgão de autocontrole da publicidade e que pode ser recorrido por qualquer pessoa que acredite ter sido veiculada uma publicidade desleal.

O procedimento contra a Fifa está em andamento, segundo confirmou um porta-voz do órgão à agência suíça de notícias “Keystone-Ats”.

A Aliança Climática Suíça confirmou ter apresentado a denúncia junto à Comissão no mês passado, enquanto outras organizações e advogados fariam o mesmo em diferentes países da Europa.

O objetivo é denunciar à Fifa por publicidade enganosa, em relação com a neutralidade climática da Copa do Mundo disputada no Qatar.

As queixas foram apresentadas de forma simultânea na França, Bélgica, Holanda e Reino Unido. Com exceção da denúncia holandesa, todas foram encaminhadas às autoridades da Suíça, já que a Fifa teme sede no país.

Segundo a Aliança Climática, as denúncias foram baseadas em relatórios que indicam que as afirmações da Fifa sobre a neutralidade climática da Copa “se apoiam em uma contabilidade discutível das missões e em programas de compensação de qualidade duvidosa”. EFE