Estado de Nova York entra em estado de emergência por tempestades de inverno

Nova York (EFE).- O estado de Nova York entrou nesta sexta-feira em estado de emergência, devido uma onda de frio que está afetando grande parte dos Estados Unidos e que o Serviço de Meteorologia Nacional (NWS, pela sigla em inglês), classificou de “única em uma geração”.

Os efeitos da tormenta estão sendo sentidos no estado de Nova York, com inundações nas regiões costeiras, que fizeram com que algumas pessoas ficassem ilhadas e precisassem de resgate.

Além disso, mais de 100 mil residências ficaram sem fornecimento de energia elétrica.

“Tivemos gelo, inundações, neve, temperaturas abaixo de zero e tudo o que a Mãe Natureza poderia nos atingir neste fim de semana”, afirmou a governadora Kathy Hochul, que afirmou ser uma situação de perigo para todo o estado.

A líder do governo estadual solicitou que os moradores do estado não façam qualquer viagem até que as condições nas rodovias sejam seguras.

“Sei que há um forte desejo de estar com seus entes queridos neste momento, mas a vida de seus entes queridos e a vida de vocês mesmos é o prioritário”, afirmou Hochul.

A onda de frio que afeta boa parte dos Estados Unidos deixou milhões de pessoas sem energia elétrica e milhares sem conseguirem embarcar em voos às vésperas do Natal.

Cerca de 200 milhões de pessoas, ou seja, 60% da população dos EUA, estão em áreas em que estão ocorrendo ou ocorrerão fortes tempestades de inverno, segundo o NWS. EFE