Sirenes antiaéreas soam em Kiev e outras 12 regiões da Ucrânia

Lviv (EFE).- Sirenes antiaéreas soaram nesta sexta-feira em Kiev e em outras 12 regiões da Ucrânia, alertando a população sobre um possível ataque russo, disse Myjailo Podolyak, conselheiro do presidente do país, Volodymyr Zelensky.

“O som das sirenes em Kiev antes do Natal … Com os mísseis de cruzeiro, a Rússia se oferece para ‘iniciar conversas de paz’, ‘restabelecer relações fraternas’, ‘acabar com o direito internacional’… Há alguém que ainda não ouve estes sons verdadeiros do ‘mundo russo?”, perguntou no Twitter, ironicamente, o assessor presidencial.

A imprensa ucraniana local disse que os alertas também soaram no mesmo momento em outras 12 regiões do país, embora eles não especificassem se houve desde então um ataque real em qualquer área.

No início desta manhã, as forças russas bombardearam áreas residenciais na região de Kherson, no sul da Ucrânia, onde ao menos duas pessoas foram mortas e um jardim de infância foi atingido, segundo autoridades locais.

Este novo ataque russo aconteceu horas depois de o presidente ucraniano retornar a Kiev após uma visitas a Estados Unidos e Polônia. Foi a primeira vez que Zelensky deixou o país desde que a invasão russa começou, em 24 de fevereiro. EFE