Ucrânia denuncia novos ataques russos contra alvos civis em Kherson

Lviv (EFE).- As autoridades da Ucrânia relataram nesta quarta-feira novos ataques russos em Kherson, no sul do país, onde nas últimas 24 horas mais de 30 mísseis caíram sobre alvos civis.

Os ataques russos se concentraram em propriedades civis, segundo o Estado-Maior ucraniano, informou o portal de notícias “Ukrinform”.

As ações militares russas continuam também em Bakhmut e Avdliv, no leste do país, onde o exército inimigo tem concentrado grande número de tropas, veículos blindados e armamento pesado.

Um novo ataque com mísseis também foi relatado em Kharkiv no início desta quarta-feira, enquanto as autoridades regionais pedem que a população permaneça em locais seguros ou vá para abrigos.

Apesar dos persistentes ataques a infraestruturas críticas, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, lançou uma mensagem de esperança à população quanto às perspectivas econômicas do país.

Após falar com o diretor do fundo de investimentos BlackRock, o maior em gestão de ativos, Zelensky garantiu que empresas do mundo todo acreditam na vitória da Ucrânia e estão dispostas a investir na sua reconstrução.

“Recebi mais uma confirmação de que as empresas do mundo desenvolvido acreditam em nossa vitória e estão prontas para investir em nossa reconstrução”, declarou o governante ucraniano. EFE