Biden planeja visitar fronteira com México pela 1ª vez

Washington (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta quarta-feira que tem a “intenção” de visitar pela primeira vez desde que chegou ao cargo a fronteira com o México, que atravessa uma severa crise migratória devido à chegada de milhares de pessoas que buscam asilo.

De acordo com a imprensa local, fontes do governo afirmaram que Biden pode fazer uma parada na fronteira quando viajar na semana que vem à Cidade do México, onde se reunirá com o presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, e o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau.

“Esta é a minha intenção. Estamos trabalhando nisso”, respondeu o mandatário americano durante uma viagem ao estado do Kentucky ao ser perguntado se planeja uma visita à fronteira sul.

Apesar das críticas da oposição republicana, Biden evitou viajar à fronteira nos dois primeiros anos de mandato com a alegação de que não queria participar de um circo político.

O presidente anterior, Donald Trump (2017-2021), visitou ao menos cinco vezes a fronteira com o México para supervisionar a construção do muro na separação entre os países, um dos emblemas de seu governo.

A atual gestão democrata enfrenta uma chegada sem precedentes de migrantes à fronteira com o México devido a crises econômicas, sanitárias e políticas do continente.

No dia 27 de dezembro, a Suprema Corte dos EUA, de maioria conservadora, ordenou que o governo mantenha de forma cautelar o Título 42, uma política de Trump que permite expulsar migrantes rapidamente com o pretexto da pandemia de covid-19.

Estados governados por republicanos denunciam estar totalmente abandonados pelo governo federal em meio à crise migratória, enquanto a Casa Branca pediu ao Partido Republicano que aprove no Congresso uma reforma para restaurar o atual sistema migratório. EFE