Brasileiro Jarbas Barbosa é novo diretor da Opas

Washington (EFE).- O epidemiologista brasileiro Jarbas Barbosa foi eleito nesta quarta-feira como novo diretor da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas).

Até agora vice-diretor da organização, Barbosa obteve 21 dos 37 votos emitidos no quarto turno de um processo realizado durante a 30ª Conferência Sanitária Pan-Americana, que acontece em Washington, onde fica a sede da Opas.

Barbosa vai suceder a dominicana Carissa Etienne, cujo mandato termina no início de 2023 e que na última segunda-feira se despediu da organização que liderou nos últimos dez anos.

A contagem dos votos teve que ser repetida várias vezes devido a dúvidas sobre a transparência do processo expressadas por alguns dos países-membros, como México e Chile, e finalmente foi necessário chegar a um quarto turno devido à falta de consenso sobre os candidatos.

Os desafios de Barbosa à frente da Opas

Entre os principais desafios de Barbosa estará assessorar os governos da região durante a recuperação de uma pandemia que ainda deixa milhares de mortos no continente todas as semanas.

Os números estão muito abaixo, no entanto, dos registrados pela região durante os picos mais dramáticos da emergência sanitária devido à covid-19.

Como novo diretor da Opas, Barbosa também terá que enfrentar a estagnação das taxas de vacinação para doenças que não são covid, uma situação que levou à detecção de casos de poliomielite em Nova York e sarampo no Brasil, doenças que eram consideradas superadas.

A Opas é o braço americano da Organização Mundial da Saúde (OMS), encarregado de assessorar os governos e instituições de saúde de seus 35 Estados-membros e quatro países associados. EFE